Curso Pré-Universitário





 
Universidades
  UFRGS
  PUCRS
  UFCSPA
  Instituições Públicas
  Instituições Privadas

 
Vestibular
  Inscrições
  Gabaritos
  Listão
 
Carreiras
  Profissões
  Área Médica
  Direito
  Engenharias
  Intercâmbio

 
Governo
  Enem
  Prouni
  MEC

 
Diversas
  Atualidades
  Ecologia
  Eventos Culturais
  Ciência
  Tecnologia
Notícias ENSINO A DISTÂNCIA (EAD)

ENSINO A DISTÂNCIA (EAD)

1,8 mil vagas para professores.

- - CA - 30/04/08 - www.zerohora.com.br (FK) Imprimir



Rede gaúcha de educação à distância abre primeiras 1,8 mil vagas para quem já trabalha em sala de aula







Cibele Cristaldo Bonilha, 42 anos, ensina na 2ª série do Ensino Fundamental da Escola Estadual Baltazar de Oliveira Garcia, na zona norte da Capital. São aulas de português, matemática, ciências e noções de história e geografia. Desde 2006, a professora se destaca pela dedicação em aula, mas não está feliz. Cibele nunca cursou uma faculdade.

Com ajuda da tecnologia do ensino à distância, a performance de Cibele e seus alunos vai melhorar muito este ano. Oito universidades gaúchas lançam juntas esta semana uma rede de ensino que promete atacar um dos maiores problemas da educação brasileira. A estratégia inicial é de 1,8 mil vagas, em seis cursos diferentes, para professores como Cibele, em 17 cidades. As inscrições vão de 14 a 30 de maio.

- A faculdade me faz muita falta. A oportunidade é única e não vou perder. Não quero deixar os pequenos, mas poderia ampliar minha atuação. Já penso em cursar Artes Visuais ou Letras - diz Cibele.

Batizada como Rede Gaúcha de Educação Superior a Distância (Regesd), a iniciativa é inédita no país porque instituições públicas e privadas terão alunos comuns. E, antes mesmo do primeiro processo seletivo, já recebeu proposta de ampliação.

- Esses cursos devem virar algo permanente na Universidade Aberta do Brasil ainda este ano. A rede gaúcha vai dar certo porque é formada por instituições de qualidade - disse o secretário de Educação à Distância do Ministério da Educação, Carlos Eduardo Bielschowsky, no encontro nacional que reuniu semana passada, em Gramado, especialistas na modalidade à distância.

Entre as instituições da Regesd, a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) é a que está envolvida no maior número de cursos. A instituição só não participará das aulas do curso de Letras/Espanhol, que será ministrado por outras três instituições federais (UFSM, UFPel e Cefet/Pelotas) em cinco cidades. Com menor participação está a Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (Uergs), que inicia com atuação apenas no curso de Matemática, ao lado de outras quatro universidades. A média por instituição é quatro.

- Estamos somando esforços. Isso nos permite atender com qualidade a um público que, sozinho, não seria possível. Crescemos muito com discussões e a experiência de cada instituição - diz a assessora pedagógica da Secretaria de Educação à Distância da UFRGS, Maria Alice Gravina.

Com regras distintas, garantidas pela autonomia universitária, e ainda poucos professores capacitados a formatar currículos na modalidade, a Regesd custou três anos de trabalho. E o esforço foi garantido por recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação.

- É um projeto multipedagógico que chega aos professores que esperam por essa oportunidade - diz Cleuza Alonso, da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), responsável pela publicação do edital nos próximos dias.

O público da Regesd está espalhado pelo Estado. Mesmo na Capital, onde o acesso à formação é maior, há professores trabalhando com nível médio, e em escolas em que o conhecimento poderia fazer a diferença como na Escola de Ensino Fundamental Cruzeiro do Sul, na Zona Sul, que atende alunos de 1ª a 4ª séries de 10 a mais de 30 anos.

Por Lúcia Pires
(lucia.pires@zerohora.com.br)

Instituições gestoras
UFRGS, UFSM, UFPel, Furg, Uergs,
Unisc, UCS, Cefet/Pelotas
Os cursos
Artes Visuais, Ciências Biológicas, Letras/Inglês, Letras/Espanhol, Matemática, Geografia
Onde estão os pólos
Porto Alegre, Santo Antônio da Patrulha, Gramado, São Leopoldo,
Caxias do Sul, Terra de Areia, Imbé, Rio Grande, Santana do Livramento,
Santa Maria, Bento Gonçalves, Três de Maio, Capão da Canoa, Santa Cruz do Sul, Sapiranga, Sobradinho, Pelotas

Leia mais:
Ensino público à distância cresce 53% no RS




Digite a palavra-chave para pesquisar no banco de dados de NOTÍCIAS

Palavra-chave:

Universitário MED - Matrículas 2015
Terceirão - Matrículas 2015
Extensivo ENEM/UFRGS - Matrículas 2015
EJA
Escola Técnica
Universitário Concursos
Colégio João Paulo I
Grupos por Disciplina
Editora Alegre Poa
Compartilhar

© Universitário 1995-2014