Universitário
Universitário Notícias
Notícias    WEB


Picasa - confira as vantagens do programa!

17/06/09 -   F:  Info Plantão

O Google lançou a terceira versão do seu tradicional programa de fotos, o Picasa. Nessa versão, o software continua com sua função básica, que é vasculhar as fotos perdidas no computador e organizá-las em categorias. Mas ganhou novas funções, que o tornaram um programa mais atraente.


Entre elas, estão as novas ferramentas de edição de imagens. Elas permitem corrigir olhos vermelhos, dar pequenos retoques e ajustes finos em fotos. Inclui ainda uma função para permitir ao usuário inserir textos nas imagens preferidas.

Nome: Picasa 3
Avaliação: 8.0
Licença: Freeware
Tamanho: 7,4 MB
Data: 29/04/2009
Sistema Operacional: Windows
Fabricante: Google
Língua: Português
Categoria: Fotografia Digital - Organização

Depois de arrumar as fotos, o usuário pode escolher algumas delas para fazer uma espécie de slideshow para apresentar na tela do micro. Se quiser, pode utilizar uma ferramenta do Picasa que ajuda a publicar as mesmas fotos em serviços de álbuns virtuais e até no You Tube.

Os engenheiros do Picasa capricharam bastante no desenvolvimento e fizeram uma inteface bastante intuitiva e simples de usar. Basta um clique para o usuário criar pastas e arrastar as fotos de um lado para o outro.

O Picasa também apresenta recursos de buscas avançados. Nele, é possível pesquisar fotos replicadas no disco. Um filtro facial, inclusive, permite a busca de imagens que contenha apenas rostos de pessoas.

Descrição do fabricante:

O Picasa é um software para organizar, editar e recortar fotos. Tem funções para corrigir olhos vermelhos e montar apresentações em slides. Também compartilha fotos em álbuns online. Ele permite gerenciar fotos de um só lugar, além disso, ele te ajuda a encontrar as imagens que o usuário nem lembrava que tinha no PC. Na função editar, o Picasa elimina riscos e manchas das fotos e transforma fotos em filmes, colagens, apresentações de slides e muito mais.

Data do lançamento do programa: 17/12/2008

 

Por: Fabiano Candido